A classificação do solo é importante para o controle ambiental e propósitos de construção. A classificação do solo é baseada em diversos fatores como absorção, habilidade de ser compactado ou de inchar, retenção de água e permeabilidade. A maior parte desses fatores está relacionada com o tamanho de partícula no solo.

A fração de argila, a menor fração (0-2 micron), é indispensável para avaliar a qualidade do solo. A fração de argila é medida de acordo com a norma ISO 11277 e permite o solo ser categorizado com as classes fundamentadas.

CARACTERÍSTICAS

 

A análise é feita em 3 passos:

Pesagem da amostra e separação das frações;

Remoção da matéria orgânica e carbonatos;

Determinação da fração de argila.

Foi desenvolvido o conceito para automatizar o segundo e o terceiro passo neste processo utilizado o analisador Skalar Robotic. A automação desses passos é de particular interesse pois podem ser feitos de modo automático e com timing e alturas precisas de amostragem.

Uma típica sequência de remoção de Carbonatos/Matéria Orgânica:

Passos de automatização

  • Remoção de Carbonatos;
  • Remoção de Matéria Orgânica;
  • Lavagem da Amostra.

Após pesagem, as amostras são colocadas no frasco. As amostras são colocadas no analisador SP2000 Robotic e uma quantidade de água é adicionada. Os frascos com amostra são aquecidos até que o ponto de ebulição seja atingido. A amostra é mantida em aquecimento por 30 min. Durante o aquecimento, a cada 30 minutos, 5 mL de peróxido de hidrogênio são adicionados para remover a matéria orgânica. Após isso a amostra é resfriada e o mesmo processo é iniciado com a adição de ácido clorídrico para remover os carbonatos. Durante o processo completo a água é adicionada em intervalos para evitar excesso de fervura da amostra.
Uma típica sequência de análise de Fração de Argila:
Passos da automação

  • Adição do pirofosfato;
  • Adição da água de diluição;
  • Homogenização da amostra;
  • Amostragem;
  • Transferência da amostra;
  • Dispensa da amostra no recipiente;
  • Secagem da amostra em copo de alumínio.

A amostra é transferida para a proveta volumétrica de 500/1000 ml. O sistema robótico analisador SP2000 adiciona automaticamente a solução de pirofosfato de sódio e completa o volume da suspensão com água destilada. Durante um tempo definido pelo usuário, a amostra é homogenizada. Após esse período definido de diversas horas uma fração da suspensão é amostrada de uma profundidade da proveta pré definida e essa fração é transferida para um prato de evaporação pelo sistema. Após a secagem o resíduo da amostra é pesado e a fração de Argila é calculada pelo software.
Esse procedimento também pode ser realizado em operações autônoma para análises durante a noite. Em adição, também é possível determinar outras frações.

 

NORMAS


ISO 11277

SP2000 – Fração de Argila

    • Instagram
    • LinkedIn Social Icon
    • Facebook Social Icon

    ONDE ESTAMOS

    INSTITUCIONAL

    ACESSE TAMBÉM

    Sobre nós

    Trabalhe Conosco

    Intranet

    Pensalab - São Paulo/SP
    Rua Minerva, 129 - Perdizes
    CEP: 05007-030
    Fone: +55  011 5180-8300