Notícias


Obrigado por nos ajudar a doar 240Kg de alimentos! PDF Imprimir


Em 27 de junho a Pensalab esteve presente na FIC – Fraternidade Irmã Clara fazendo a doação de 240Kg de alimentos referentes às respostas recebidas em nossas pesquisas de satisfação realizadas no final de 2012 e início de 2013.

Desde que iniciamos a campanha em 2011, a FIC recebeu ao todo 782Kg de alimentos não perecíveis.

Gostaríamos de agradecer mais uma vez a todos que doaram um pouco de seu tempo preenchendo nossos questionários e que além de colaborar com a melhoria de nossos processos internos, indiretamente colaboraram com uma instituição comprometida com o bem-estar de seus assistidos.

Leia mais... [Obrigado por nos ajudar a doar 240Kg de alimentos!]
 
Nova geração do Analisador de Oxidação Térmica de Combustível de Aviação JFTOT IV PDF Imprimir

PAC acaba de lançar a última versão do analisador de oxidação térmica de combustível de aviação JFTOT IV, que é a 6º geração desta linha.

Foram desenvolvidas melhorias nas características de segurança e também simplificação na operação, resultando em um aumento significativo na produtividade do usuário e em um equipamento mais compacto.

O JFTOT IV está de acordo com a ASTM D3241-13, "Standard Test Method for Thermal Oxidation Stability of Aviation Turbine Fuels", e já está listado na Tabela 1 do método como um modelo aceito para esta metodologia.

Leia mais... [Nova geração do Analisador de Oxidação Térmica de Combustível de Aviação JFTOT IV]
 
Precisão Melhorada para SIMDIS utilizando o Amostrador Automático de Líquidos Agilent Modelo 7693A “Otimizado para Solventes Leves”. PDF Imprimir

Há muitos fatores que interferem na precisão dos dados de um CG. Parâmetros de introdução de amostra então entre os mais críticos. Um fator facilmente negligenciado é a temperatura da amostra e suas variações ao longo do tempo, em relação ao solvente utilizado.

Condições ambientais e os padrões de aquecimento ao redor do amostrador podem facilmente se tornar o maior fator contribuinte para a performance quando solventes muito leves são utilizados.

Em análises de Destilação Simulada, as zonas aquecidas são normalmente elevadas a temperaturas acima de 430 °C, e o CS2 (PE: 46,2 °C) é normalmente o solvente escolhido. Outros solventes leves, com faixas de ponto de ebulição similares como o Pentano e o Diclorometano, podem ser afetados pelo efeito da temperatura de um jeito similar.

Este estudo mostra dados práticos para as temperaturas ao redor da zona de injeção vs. dados de repetibilidade na aplicação SimDis-HT ASTM D7169 de Duplo Canal e descreve uma melhoria no hardware para precisão de injeção superior.

Leia mais... [Precisão Melhorada para SIMDIS utilizando o Amostrador Automático de Líquidos Agilent Modelo 7693A “Otimizado para Solventes Leves”.]
 
Utilização de Hidrogênio como Gás de Arraste: Análise Detalhada de Hidrocarbonetos (DHA) análoga à ASTM D6730 PDF Imprimir

Atualmente, laboratórios de cromatografia estão cada vez mais propensos a escolher o hidrogênio como gás de arraste. Está decisão é impulsionada pelo aumento no preço do hélio e problemas de escassez de suprimentos.

O preço do hélio é, em média, aproximadamente 4 vezes maior que do Hidrogênio e com a perspectiva de aumento no preço de hélio de 10-15% por ano, os benefícios são claros.

Um laboratório médio, empregando de 5 a 10 sistemas de CG pode economizar vários milhares de dólares em custos operacionais por ano apenas mudando o gás de arraste para Hidrogênio.

Esta nota de aplicação descreve o uso seguro de Hidrogênio como gás de arraste e discute seus benefícios na velocidade analítica.

Leia mais... [Utilização de Hidrogênio como Gás de Arraste: Análise Detalhada de Hidrocarbonetos (DHA) análoga à ASTM D6730]
 
Monitoramento de Tamanho de Partícula em Reatores utilizando a Técnica Espectroscopia NIR PDF Imprimir

Ao modelar um reator autoclave ou contínuo, muitas variáveis devem ser consideradas, tais como: temperatura, pressão, concentração dos reagentes, taxa de conversão e rendimento.

Em muitos casos, as conversões geram produtos com tamanhos de partículas diferentes dos reagentes, o que faz com que ocorram algumas mudanças nas condições do meio reacional, e a principal delas é a viscosidade.

Esta alteração do meio, que pode diminuir a taxa de conversão e o rendimento do produto final, é muito comum em sínteses de polímeros, cristalização de fármacos, catálise e em outras reações onde o tamanho da partícula é de importância relevante.

Leia mais... [Monitoramento de Tamanho de Partícula em Reatores utilizando a Técnica Espectroscopia NIR]
 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo > Fim >>

Página 7 de 16

Atendimento e Suporte

Contato

agenda de eventos

Onde Estamos

Pensalab - São Paulo/ SP
Rua Minerva, 129 – Perdizes
CEP: 05007-030
Fone: +55 11 5180-8300

Pensalab - Rio de Janeiro/RJ
Av. Nilo Peçanha, 50 – cjto 417
Centro
CEP: 20200-100
Fone: +55 21 2215-5667
Fax: +55 21 2215-1921

Ver Mapa

Redes Sociais

Pensalab no Twitter Pensalab no Facebook Pensalab no Flickr Pensalab no LinkedIn

Acesse também

metrohm pensalab

Todos os Direitos Reservados © 2011 Pensalab.
Ankara escort